Treinamento de força funcional para o Rugby








O Rugby é uma modalidade esportiva muito antiga, onde os historiadores afirmam que desde a antiguidade os romanos e os celtas já praticavam esportes que tinham contato físico e eram jogados com bola. A maioria dos esportes eram praticados nas universidades entre estudantes, pois não eram esportes profissionalizantes, e sim apenas jogos. Muitos desses esportes foram afunilando e se aprimorando para uma condição de jogo em espetáculo, destinados ao público.

O rugby é um esporte de contato sendo necessário que os jogadores sejam fortes o suficiente para manter o equilíbrio e estabilidade em contato. Os jogadores precisam ser capaz de aplicar força tanto ao fazer um tackle e também quando resistir uma disputa (sendo tackelado, por exemplo). O outro benefício chave fornecido por um programa de força e condicionamento funcional é que você estará menos propenso a lesões. Os músculos e articulações tornam-se mais fortes, o que é especialmente importante para o pescoço, ombros, quadris, joelhos e o core do corpo.

Treinar com peso é uma excelente forma de treinamento de força e dá aos jogadores de Rugby uma ampla gama de benefícios. Entretanto, nem todos os jogadores têm acesso a instalações de musculação no local de treino, ginásio ou academias.

Treinamentos com pesos devem ser supervisionados por instrutores credenciados em face de duas razões importantes: primeira, saúde e segurança; segunda, é necessário que as seções sejam relevantes e específicas para o Rugby. Se este instrutor não estiver disponível, isto pode ser um inconveniente para alguns clubes de Rugby.

O circuito de exercícios com pesos ilustrado acima é um excelente ponto de partida, mas é importante que haja um desafio progressivo. Isso pode ser fornecido através do uso de equipamento de treino funcional. Os benefícios alcançados não são somente limitados às melhorias na força, mas também na flexibilidade, estabilidade e equilíbrio.

Uma alternativa prática e conveniente para o treinamento de peso é a utilização de pneus, medicine balls, bolas e equipamentos de estabilidade para treinos com peso suspenso. Todas estas ferramentas de treinamento vão facilitar o desenvolvimento da força funcional em oposição ao desenvolvimento da força total, sem qualquer finalidade específica. Tal como acontece com o treinamento de peso, eles irão produzir um efeito composto de condicionamento de todo o corpo. É provável que seja uma opção mais barata e versátil que pode ser usada em ambientes fechados ou em um campo de jogo ao ar livre. Outra vantagem oferecida por essas ferramentas é que elas podem ser facilmente armazenadas e utilizadas no próprio clube de Rugby. Elas também são muito adaptáveis e podem ser usadas para desenvolver qualidades específicas de posição como aumento de velocidade máxima, tackle e formação do scrum.

O Rugby é um esporte de alta intensidade, muitos contatos físicos durante o jogo, um dos contatos acontece quando o jogador que está com a bola é derrubado por outro jogador, essa ação é chamada de tekcle, ela serve para roubar a bola da equipe adversaria ou paralisar o jogo por alguns segundos para poder se recompor em seu campo e não permitir que a equipe adversaria avance, com os tackles acontecendo durante o jogo, o risco de lesão é grande, tanto no profissional como no amador, as lesões pode ser fraturas, rompimento de ligamentos, luxações entre outras, os atletas mais condicionados tem menos riscos de lesões, mas não estão livres delas, as condições do local também podem ser prejudiciais aos atletas.

Atualizações do blog Treinamento Funcional:
  • No Telegram
  • No Whatsapp
  • No Email

  • Dicas para profissionais
  • Treino Funcional e Cross - Passo a Passo (em vídeo)
  • Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino
  • Formação em Treinamento e Preparação Física Funcional ONLINE

  • Comente:

    Nenhum comentário